segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

E o Oscar foi para...

Depois de muitas especulações e palpites, finalmente, na noite de ontem, foram revelados os grandes ganhadores do maior prêmio de cinema do mundo, o prêmio da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, o Oscar.

Chegando com 12 indicações, O Discurso do Rei ganhou 4, empatando assim, com A Origem. Já A Rede Social levou 3, enquanto Toy Story 3 e O Vencedor levaram 2. Cisne Negro, muito bem recebido pela crítica e pelos cinéfilos do mundo inteiro, levou apenas 1. Porém a maior surpresa foi ver Bravura Indômita - dos irmãos Coen - que concorria em dez categorias, não levar nenhuma estatueta.

Em questão de produção e apresentação da noite de premiação, houve alguns prós e contras. Anne Hathaway se mostrou divertidíssima, além de mostrar que sabe cantar muito bem, também mostrou que consegue trocar de roupa em pouco tempo. Ela simplesmente brilhou. Já James Franco se mostrou um tanto apático e sem graça. Suas piadas não tiravam risos como as de Hathaway – com exceção à piada citando Charlie Sheen – e uma das únicas coisas engraçadas foi ver ele vestido de uma suposta Marilyn Monroe. Outro pró foi à produção do palco e as tecnologias que os produtores utilizaram durante o espetáculo, mostrando que eles conseguem inovar a cada ano.

Como sempre, houve apresentações musicais mostrando os indicados na categoria de Melhor Canção Original. E essas apresentações foram muito bonitas. Florence Welch e A.R. Rahman cantando If I Rise (127 Horas), Mandy Moore e Zachari Levi cantando I See the Light (Enrolados), Randy Newman cantando We Belong Together (Toy Story 3) e Gwyneth Paltrow cantando Coming Home (Country Song).

A lista dos vencedores encontra-se abaixo:

O Discurso do Rei.
O Grande Vencedor da noite.
Melhor Filme

A Rede Social
O Discurso do Rei
Cisne Negro
A Origem
Toy Story 3
127 Horas
Bravura Indômita
Minhas Mães e Meu Pai
Inverno da Alma
O Vencedor

Melhor Diretor

Tom Hooper, O Discurso do Rei
David Fincher, A Rede Social
Darren Aronofsky, Cisne Negro
Ethan e Joel Coen, Bravura Indômita
David O. Russell, O Vencedor


Melhor Ator

Jesse Eisenberg, A Rede Social
James Franco, 127 Horas
Jeff Bridges, Bravura Indômita
Javier Bardem, Biutiful
Colin Firth, O Discurso do Rei

Melhor Atriz

Nicole Kidman, Reencontrando a Felicidade
Michelle Williams, Namorados Para Sempre
Natalie Portman, Cisne Negro
Annette Bening, Minhas Mães e Meu Pai
Jennifer Lawrence, Inverno da Alma

Melhor Ator Coadjuvante

Christian Bale, O Vencedor
Geoffrey Rush, O Discurso do Rei
John Hawkes, Inverno da Alma
Jeremy Renner, Atração Perigos
Mark Ruffalo, Minhas Mães e Meu Pai

Melhor Atriz Coadjuvante

Amy Adams, O Vencedor
Melissa Leo, O Vencedor
Helena Bonham Carter, O Discurso do Rei
Jacki Weaver, Reino Animal
Hailee Steinfeld, Bravura Indômita

Melhor Filme de Animação

O Mágico
Toy Story 3
Como Treinar o Seu Dragão

Melhor Filme em Língua Estrangeira

Incêndios
Biutiful
Dente Canino
Em um Mundo Melhor
Fora da Lei

Melhor Documentário

Trabalho Interno
Lixo Extraordinário
Gasland
Restrepo
Exit Through the Gift Shop

Melhor Roteiro Original

Mike Leigh, Another Year
David Seidler, O Discurso do Rei
Christopher Nolan, A Origem
Scott Silver, Paul Tamasy, Eric Johnson e Keith Dorrington, O Vencerdor
Stuart Blumberg e Lisa Cholodenko, Minhas Mães e Meu Pai

Melhor Roteiro Adaptado

Aaron Sorkin, A Rede Social
Danny Boyle e Simon Beaufoy, 127 Horas
Ethan e Joel Coen, Bravura Indômita
Andrew Stanton, John Lasseter, Michael Arndt e Lee Unkrich, Toy Story 3
Debra Granik e Anne Rosellini, Inverno da Alma

Melhor Figurino

Eu Sou o Amor
Alice no País das Maravilhas
O Discurso do Rei
Bravura Indômita
The Tempest

Melhor Maquiagem

O Lobisomem
A Minha Versão para o Amor
Caminho da Liberdade

Melhor Montagem

Cisne Negro
O Discurso do Rei
A Rede Social
O Vencedor
127 Horas

Melhores Efeitos Visuais

A Origem
Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte I
Homem de Ferro 2
Alice no País das Maravilhas
Além da Vida

Melhor Fotografia

Cisne Negro
A Origem
O Discurso do Rei
Bravura Indômita
A Rede Social

Melhor Edição de Som

Incontrolável
Tron – O Legado
A Origem
Toy Story 3
Bravura Indômita

Melhor Trilha Sonora

A Origem
O Discurso do Rei
A Rede Social
127 Horas
Como Treinar o Seu Dragão

Melhor Canção Original

“We Belong Together”, Toy Story 3
“If I Rise”, 127 Horas
“Coming Home”, Country Song
“I See the Light”, Enrolados

Melhor Direção de Arte

Alice no País das Maravilhas
A Origem
Bravura Indômita
Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte I
O Discurso do Rei

Melhor Mixagem de Som

Bravura Indômita
O Discurso do Rei
Salt
A Rede Social
A Origem

Melhor Documentário em Curta-metragem

Killing in the Name
Poster Girl
Strangers No More
Sun Come Up
The Warrions of Qiugang

Melhor Curta-metragem

The Confession
The Crush
God of Love
Na Wewe
Wish 143

Melhor Animação em Curta-metragem

Day & Night
The Gruffalo
Let’s Pollute
The Lost Thing
Madagascar, Carnet de Voyage

domingo, 27 de fevereiro de 2011

Os piores do ano são anunciados

A tradicional lista do Framboesa de Ouro, que nomeia os piores do cinema ao longo do ano sempre um dia antes do Oscar, divulgou a pouco os seus escolhidos.

Shyamalan levou quase tudo com o seu O Último Mestre do Ar, com Sex and the City 2 seguindo de perto o filme do indiano. Confira abaixo a lista divulgada:

Pior Filme: O Último Mestre do Ar
Pior Ator: Ashton Kutcher, por Par Perfeito e Idas e Vindas do Amor
Pior Atriz: As quatro amigas de Sex and the City 2
Pior Ator Coadjuvante: Jackson Rathbone, por O Último Mestre do Ar e Eclipse
Pior Atriz Coadjuvante: Jessica Alba, por O Assassino em Mim, Entrando Numa Fria Maior Ainda com a Família, Idas e Vindas do Amor e Machete
Pior Diretor: M. Night Shyamalan, por O Último Mestre do Ar
Pior Roteiro: O Último Mestre do Ar
Pior Casal ou Elenco: Sex and the City 2
Pior Remake, Continuação ou Paródia: Sex and the City 2
Pior 3D: O Último Mestre do Ar

Fonte: www.cineplayers.com

É hoje!!!

Hoje às 22h00, o canal de televisão pago TNT, estará televisionando o maior prêmio de cinema do mundo, o Oscar. Na televisão aberta, o canal responsável em televisionar o prêmio é a Globo, porém só após o Big Brother Brasil. Não se esqueçam que o blog Parada Obrigatória estará fazendo uma cobertura completa da premiação.

Então não se esqueçam, arrumem a roupa de gala para o tapete vermelho e torçam pelos seus favoritos!

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

Estreias da Semana (25/02)

Bruna Surfistinha
(Bruna Surfistinha)

Sinopse: Aos 17 anos, Raquel se sente desajustada na escola, onde é ridicularizada pelos colegas, e em casa, onde vive em conflito com a família. Um dia, a menina de classe média toma uma decisão surpreendente: virar garota de programa. Ela foge de casa e vai viver num privê, onde as garotas moram e recebem clientes. Adota o nome de Bruna e fica amiga daquelas mulheres, como a intempestiva Janine. Ali conhece Huldson, que vai se empenhar em tirá-la da prostituição. De ingênua e desajeitada, Bruna se torna a garota de programa mais disputada do lugar e a que mais ganha dinheiro. Conhece a sofisticada Carol, que lhe mostra a prostituição de alto luxo, e aluga um flat para receber seus próprios clientes. A fama nacional vem quando, com o nome de Bruna Surfistinha, passa a contar num blog suas aventuras sexuais e afetivas como garota de programa. Mas Bruna vê seu dinheiro e sua saúde serem consumidos pela cocaína e, quando chega ao fundo do poço, é hora de dar uma nova guinada em sua vida.


Desconhecido
(Unknown)

Sinopse: Dr. Martin Harris (Liam Neeson) acorda após um acidente de carro em Berlim, descobre que sua esposa (January Jones) não o reconhece e que outro homem (Aidan Quinn) assumiu sua identidade. Ignorado por autoridades incrédulas e caçado por assassinos misteriosos, ele se vê sozinho, cansado e sempre em fuga. Auxiliado por uma aliada improvável, a motorista de táxi, Gina (Diane Kruger), Martin mergulha de cabeça em um mistério mortal que vai obrigá-lo a questionar sua sanidade, sua identidade e até onde ele está disposto a ir para descobrir a verdade.





Incêndios
(Incendies)

Sinopse: Na leitura do testamento de sua mãe, os gêmeos Simon (Maxim Gaudette) e Jeanne (Mélissa Désormeaux-Poulin) descobrem que eles tem um irmão e que o pai, que os dois achavam que havia falecido, estava vivo. Dentre muitos pedidos, a maioria um pouco desconfortáveis, o último e mais importante vinha junto com duas cartas seladas: encontrar os dois e entregar-lhes.









Mulatas! Um Tufão nos Quadris
(Mulatas! Um Tufão nos Quadris)

Sinopse: O filme mostra relatos de 13 passistas, entre elas a BBB carioca Jaqueline Faria ,além do pesquisador Sérgio Cabral, do gerente do Plataforma, casa de shows onde acontece o único show permanente de mulatas, e do engenheiro Edson Marcos de Andrade, que está no oitavo casamento com uma passista.












Justin Bieber: Never Say Never
(Justin Bieber: Never Say Never)

Sinopse: Aos 16 anos, Justin Bieber é um fenômeno mundial. A fama do canadense veio com a divulgação de vídeos pelo canal Youtube. Suas músicas e seu estilo são mania entre os adolescentes. O documentário dirigido por Jon Chu vem mostrar que, apesar da descrença de muita gente, Justin Bieber conseguiu alcançar seus sonhos.










Poesia
(Shi)

Sinopse: Mija (Jeong-hee Yoon) vive com seu neto nas encostas do rio Han. É uma senhora excêntrica com uma mente inquieta e questionadora. Um dia, ela entra por acaso em uma aula de poesia em um centro cultural na vizinhança e é desafiada pela primeira vez a escrever um poema. Sua busca pela inspiração começa ao observar a beleza do cotidiano, as coisas ao seu redor que ela nunca havia reparado. Mas quando a realidade se torna cruel, ela é obrigada a ver que o mundo não é tão bonito quanto ela imaginava.

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Oscar 2011 - Você está convidado

Gente, há na internet um blog chamado Parada Obrigtória e pelo segundo ano consecutivo, eles fazem a cobertura ao vivo do Oscar e, para minha surpresa, esse ano eu fui convidado para ser um dos comentaristas convidados.

Informações abaixo:

Senhoras e Senhores, é com imenso prazer que o blog Parada Obrigatória apresenta, pelo segundo ano, a cobertura completa da maior premiação do cinema, o Oscar.
Porém, sozinhos não somos nada, por isso convidamos blogueiros de peso para comentar sobre o assunto.
E os convidados são:

Caio Coletti


Ana Menezes


Guilherme


Matheus Paes


Maria Clara Montanhez

e claro...

Você

Você também pode participar comentando.
Portanto, não esqueça: Domingo, 27 de Fevereiro às 21h30 (horário de Brasília) a cobertura completa e ao vivo do Oscar 2011.

*Oscar 2011*
*Você está convidado*

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Compositor John Strauss morre aos 90 anos

O compositor John Strauss morreu aos 90 anos de idade devido a complicações causadas pelo Mal de Parkinson. Responsável pela trilha sonora de filmes como Amadeus e Hair, Strauss faleceu segunda feira, dia 14, declarou seu filho, Larry Strauss.

Strauss trabalhou como coordenador musical de Amadeus, de Milos Forman, de 1985. O compositor também fez uma ponta no filme como maestro e produziu o disco da trilha sonora, pelo qual ganhou o Grammy de Melhor Álbum de Música Clássica. Strauss também foi responsável pelas trilhas de outros filmes de Forman, como Hair, Ragtime e Valmont, para o qual também compôs algumas músicas. O compositor também trabalhou na edição de som de filmes como Bananas e Tudo o que Você Sempre Quis Saber Sobre Sexo, além de supervisor musical em Os Irmãos Cara-de-Pau.

Além do cinema, Strauss fez diversos trabalhos para a televisão e para o teatro.

Fonte: www.cineplayers.com

Estreias da Semana (18/02)

127 Horas
(127 Hours)

Sinopse: Cinebiografia de Aron Ralston, alpinista que, ao se aventurar pelas montanhas de Utah, ficou preso por 127 horas - cinco dias - com uma pedra em cima de seu braço. Não aguentando mais a dor e sem ninguém que pudesse ajudá-lo, Ralston decidiu amputar o membro superior com uma faca que levava consigo.











O Besouro Verde
(The Green Hornet)

Sinopse: Britt Reid (Seth Rogen) está perto dos 30 anos e não quer saber de responsabilidades, dedicando sua vida à diversão. Até o dia em que seu pai morre misteriosamente e ele precisa assumir os negócios da família, ficando a frente de um grande e respeitado jornal. Milionário e entediado, Reid resolve criar um personagem junto com seu fiel funcionário Kato (Jay Chou), fera das artes marciais e grande inventor de máquinas revolucionárias. Cheios de vontade, surge então o Besouro Verde. Só que a cidade está nas garras de Chudnofsky (Christoph Waltz), um criminoso que busca meios der ser mais ameaçador para as pessoas.





Trabalho Interno
(Inside Job)

Sinopse: Narrado por Matt Damon, o documentário revela verdades incômodas da crise econômica mundial de 2008. A quebradeira geral, cujo custo é estimado em US$ 20 trilhões, resultou na perda do emprego e moradia para milhões de pessoas. Com pesquisa e entrevistas, o filme revela as corrosivas relações de políticos, agentes reguladores e a Academia.

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

‘A Origem’ vence prêmio de fotografia

Os prêmios dos sindicatos são sempre bons indicativos dos nomeados e premiados da Academia. Embora não seja garantia de Oscar conquistar um prêmio do Sindicato, tal feito acaba fazendo do filme um potencial favorito.

Em 2010, Christian Berger (A Fita Branca) ganhou o prêmio do American Society of Cinematographers, mas Mauro Fiore (Avatar) acabou com o Oscar nas mãos.

Este ano o vencedor do ASC foi Wally Pfister, por seu trabalho em A Origem. Ele estava concorrendo com Roger Deakins (Bravura Indômita), Matthew Libatique (Cisne Negro), Danny Cohen (O Discurso do Rei) e Jeff Cronenweth (A Rede Social). Os indicados ao Oscar, em 2011, foram os mesmos do Sindicato.

Na noite de domingo o britânico Roger Deakins conquistou o BAFTA da categoria e com o prêmio do sindicato para Wally Pfister, ambos se tornam os favoritos ao prêmio da Academia.

Fonte: www.cineplayers.com

Vencedores do Oscar Britânico, BAFTA

A entrega dos prêmios da British Academy of Film and Television Arts  (BAFTA) não teve muitas surpresas. David Fincher levou o prêmio de Direção por A Rede Social, mas O Discurso do Rei  ficou com o grande prêmio da noite, o de Melhor Filme.

A produção sobre o Rei George VI ainda levou os prêmios de Melhor Filme Britânico, Melhor Ator (Colin Firth), Melhor Atriz Coadjuvante (Helena Bonham Carter), Melhor Ator Coadjuvante (Geoffrey Rush), Melhor Roteiro Original (David Seidler) e Melhor Trilha Sonora (Alexandre Desplat).

Abaixo a lista com os indicados e vencedores (*) em 2011:

MELHOR FILME
Cisne Negro
A Origem
* O Discurso do Rei
A Rede Social 
Bravura Indômita

MELHOR FILME BRITÂNICO
127 Horas
Another Year
Four Lions
* O Discurso do Rei
Made in Dagenham

MELHOR DIRETOR
Danny Boyle, 127 Horas
Darren Aronofsky, Cisne Negro
Christopher Nolan, A Origem 
Tom Hooper, O Discurso do Rei
* David Fincher, A Rede Social

MELHOR ATOR
Javier Bardem, Biutiful
Jeff Bridges, Bravura Indômita 
Jesse Eisenberg, A Rede Social 
* Colin Firth, O Discurso do Rei
James Franco, 127 Horas

MELHOR ATRIZ
Annette Bening, Minhas Mães e Meu Pai
Julianne Moore, Minhas Mães e Meu Pai 
* Natalie Portman, Cisne Negro
Noomi Rapace, Os Homens Que Não Amavam as Mulheres
Hailee Steinfeld, Bravura Indômita

MELHOR ATOR COADJUVANTE
Christian Bale, O Vencedor
Andrew Garfield, A Rede Social
Pete Postlethwaite, Atração Perigosa
Mark Ruffalo, Minhas Mães e Meu Pai
* Geoffrey Rush, O Discurso do Rei

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE
Amy Adams, O Vencedor
* Helena Bonham Carter, O Discurso do Rei
Barbara Hershey, Cisne Negro
Lesley Manville, Another Year
Miranda Richardson, Made in Dagenham

ROTEIRO ADAPTADO
127 Horas, Danny Boyle e Simon Beaufoy 
Os Homens Que Não Amavam as Mulheres, Rasmus Heisterberg e Nikolaj Arcel 
* A Rede Social, Aaron Sorkin
Toy Story 3, Michael Arndt 
Bravura Indômita, Joel Coen e Ethan Coen

ROTEIRO ORIGINAL
Cisne Negro, Mark Heyman, Andres Heinz e John J. McLaughlin
O Vencedor, Scott Silver, Paul Tamasy e Eric Johnson
A Origem, Chistopher Nolan
Minhas Mães e Meu Pai, Lisa Cholodenko e Stuart Blumberg
* O Discurso do Rei, David Seidler

MELHOR FOTOGRAFIA
127 Horas, Anthony Dod Mantle, Enrique Chediak 
Cisne Negro, Matthew Libatique 
A Origem, Wally Pfister 
O Discurso do Rei, Danny Cohen 
* Bravura Indômita, Roger Deakins

DIREÇÃO DE ARTE
Alice no País das Maravilhas, Robert Stromberg e Karen O’Hara 
Cisne Negro, Thérèse DePrez e Tora Peterson 
* A Origem, Guy Hendrix Dyas, Larry Dias e Doug Mowat
O Discurso do Rei, Eve Stewart e Judy Farr 
Bravura Indômita, Jess Gonchor e Nancy Haigh

MONTAGEM
127 Horas, Jon Harris 
Cisne Negro, Andrew Weisblum 
A Origem, Lee Smith 
O Discurso do Rei, Tariq Anwar 
* A Rede Social, Angus Wall e Kirk Baxter

EFEITOS VISUAIS
Alice no País das Maravilhas
Cisne Negro
Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte I
* A Origem
Toy Story 3

MAQUIAGEM E CABELO
* Alice no País das Maravilhas
Cisne Negro
Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte I
O Discurso do Rei
Made in Dagenham

SOM
127 Horas
Cisne Negro 
* A Origem
O Discurso do Rei 
Bravura Indômita

FIGURINOS
* Alice no País das Maravilhas, Colleen Atwood
Cisne Negro, Amy Westcott 
O Discurso do Rei, Jenny Beavan 
Made in Dagenham, Louise Stjernsward 
Bravura Indômita, Mary Zophres

ANIMAÇÃO
Meu Malvado Favorito
Como Treinar o Seu Dragão
* Toy Story 3

TRILHA SONORA
127 Horas, AR Rahman 
Alice no País das Maravilhas, Danny Elfman 
Como Treinar o Seu Dragão, John Powell 
A Origem, Hans Zimmer 
* O Discurso do Rei, Alexandre Desplat

FILME EM LÍNGUA NÃO-INGLESA
Biutiful
* Os Homens Que Não Amavam as Mulheres
I Am Love
Sobre Homens e Deuses
O Segredo dos Seus Olhos

Fonte: www.cineplayers.com

domingo, 13 de fevereiro de 2011

Elizabeth Taylor é internada em Los Angeles

A atriz vencedora de dois Oscars Elizabeth Taylor, de 78 anos, foi internada no Centro Médico Cedars-Sinai, no início desta semana, devido a uma insuficiência cardíaca, a mais recente crise em uma longa história de problemas médicos sérios.

'Elizabeth Taylor foi internada no início desta semana... com sintomas causados por insuficiência cardíaca, um problema crônico. Ela está sendo mantida no hospital para acompanhamento', afirmou Sally Morrison, da assessoria de Elizabeth, em um comunicado.

A atriz foi submetida a uma cirurgia cardíaca em 2009 para substituir uma válvula com problemas. Em 2004, ela anunciou que tinha sido diagnosticada com insuficiência cardíaca.

'Sua família e amigos próximos apreciam o caloroso apoio e interesse dos fãs, mas pedem que as pessoas respeitem a sua privacidade e deem tempo e espaço para a equipe médica se concentrar em seu tratamento', disse ainda o comunicado.

Fonte: www.cineplayers.com

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Estreias da Semana (11/02)

A Mentira
(Easy A)

Sinopse: A estudante Olive Penderghast (Emma Stone) encontra-se vítima de seu próprio "boato", quando ela mente para sua melhor amiga, Rhiannon (Alyson Michalka) sobre um encontro de fim de semana com um calouro da faculdade. O boato sobre a promiscuidade de Olive rapidamente se espalha e, para sua surpresa, ela acolhe favoravelmente a atenção. Quando ela concorda em ajudar um amigo, que sofre com bullying, fingindo dormir com ele, sua imagem se degrada rapidamente para um estado mais sensual e seu mundo começa a ficar fora de controle.





Bravura Indômita
(True Grit)

Sinopse: Após a morte do pai, a jovem Mattie Ross (Hailee Steinfeld) contrata, por cem dólares, o xerife "Rooster" Cogburn (Jeff Bridges) para caçar e capturar o assassino. Ela exige fazer parte desta jornada para ter certeza que seu objetivo será alcançado.













Burlesque
(Burlesque)

Sinopse: Ali (Christina Aguilera) é uma garota que sai de uma cidade do interior em busca da fama em Hollywood. Quando chega, Ali começa a trabalhar em uma boate, comandada por Tess (Cher), ex-dançarina de cabaré, que ajudará a menina a tornar seu sonho em realidade.












O Discurso do Rei
(The King’s Speech)

Sinopse: George VI (Colin Firth), conhecido como Berty, assume, a contragosto, o trono de rei da Inglaterra quando seu irmão, Edward (Guy Pearce), abdica do posto em 1936. Despreparado, o novo rei pede o auxílio de um especialista em discursos, Lionel Logue (Geoffrey Rush), para superar seu nervosismo e gagueira. Com o tempo, tornam-se amigos.










O Ritual
(The Rite)

Sinopse: O Ritual narra a história do cético seminarista Michael Kovak (Colin O’Donoghue) que, relutantemente, frequenta uma escola de exorcismo no Vaticano. Sua vida muda quando ele encontra o ortodoxo Padre Lucas (Anthony Hopkins), que lhe apresenta o lado mais obscuro de sua fé. Inspirado em fatos.











O Samba que Mora em Mim
(O Samba que Mora em Mim)

Sinopse: Partindo de uma pesquisa autobiográfica, o filme sai da quadra da escola de samba Estação Primeira de Mangueira e sobe o Morro da Mangueira, no Rio de Janeiro, trazendo um relato pessoal do samba e da história da comunidade com depoimentos de: Timbaca, Cosminho, Lili, Vó Lucíola, Hevalcy, Mestre Taranta e DJ Glauber.

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Palpites para o Oscar

Gente, lá em um dos fóruns do site cineplayers, nós começamos um bolão sobre o Oscar. Todos começaram a dar palpites sobre quem ganhará cada categoria do Oscar, além de indicar um runner-up (uma espécie de segundo colocado). Como eu estou participando lá, resolvi colocar os meus palpites sobre quem eu acho que vai ganhar cada categoria do Oscar.

Esses são os meus palpites:


Melhor Filme
O Discurso do Rei
A Rede Social (runner-up)

Melhor Diretor
Tom Hooper, O Discurso do Rei
David Fincher, A Rede Social (runner-up)

Melhor Ator
Colin Firth, O Discurso do Rei
Jeff Bridges, Bravura Indômita (runner-up)

Melhor Atriz
Natalie Portman, Cisne Negro
Annette Bening, Minhas Mães e Meu Pai (runner-up)

Melhor Ator Coadjuvante
Christian Bale, O Vencedor
Geoffrey Rush, O Discurso do Rei (runner-up)

Melhor Atriz Coadjuvante
Melissa Leo, O Vencedor
Hailee Steinfeld, Bravura Indômita (runner-up)

Melhor Filme de Animação
Toy Story 3
O Mágico (runner-up)

Melhor Filme de Língua Estrangeira
Dente Canino
Biutiful (runner-up)

Melhor Roteiro Original
David Seidler, O Discurso do Rei
Stuart Blumberg e Lisa Cholodenko, Minhas Mães e Meu Pai (runner-up)

Melhor Roteiro Adaptado
Aaron Sorkin, A Rede Social
Danny Boyle e Simon Beaufoy, 127 Horas (runner-up)

Melhor Figurino
O Discurso do Rei
Alice no País das Maravilhas (runner-up)

Melhor Maquiagem
O Lobisomem
Caminho da Liberdade (runner-up)

Melhor Montagem
Cisne Negro
O Discurso do Rei (runner-up)

Melhores Efeitos Visuais
A Origem
Alice no País das Maravilhas (runner-up)

Melhor Fotografia
O Discurso do Rei
A Origem (runner-up)

Melhor Edição de Som
A Origem
Incontrolável (runner-up)

Melhor Trilha Sonora
A Rede Social
A Origem (runner-up)

Melhor Canção Original
“If I Rise”, 127 Horas
“We Belong Together”, Toy Story 3 (runner-up)

Melhor Direção de Arte
Alice no País das Maravilhas
Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte I (runner-up)

Melhor Mixagem de Som
A Origem
Bravura Indômita (runner-up)

Melhor Documentário
Exit Through The Gift Shop
Restrepo (runner-up)

Agora é só esperar o dia 27/02 chegar, pra ver se eu estava certo sobre os meus palpites!!!

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

1975 - Rocky Horror Picture Show (The Rocky Horror Picture Show)

Sinopse: Durante uma viagem, um casal fica perdido na estrada e para piorar o pneu do carro fura. eles, então, são obrigados à pedir ajuda em um castelo no meio da estrada. Naquela mesma noite, o anfitrião do castelo, Dr. Frank-N-Furter, está prestes à dar vida a sua mais nova invenção, Rocky Horror, seu mais novo objeto de prazer. O que o casal não sabe é que os moradores do castelo são alienígenas vindo do planeta Transexual.


Direção: Jim Sharman
Roteiro: Jim Sharman (roteiro) e Richard O'Brien (peça)
Gênero: Comédia/Ficção Científica/Musical/Terror
Origem: Estados Unidos da América
Duração: 100 minutos


Elenco:


Tim Curry (Dr. Frank-N-Furter)
Susan Sarandon (Janet Weiss)
Barry Bostwick (Brad Majors)
Richard O'Brien (Riff Raff)
Patricia Quinn (Magenta)
Nell Campbell (Columbia)
Jonathan Adams (Dr. Scott)
Peter Hinwood (Rocky Horror)
Meat Loaf (Eddie)
Charles Gray (Narrador/Criminologista)


Trailer: http://www.youtube.com/watch?v=smRsvudqLPE (sem legenda)


Comentário: O musical mais indie, rock and roll, trash e cult de todos!

Como uma boca pode passar tanto mistério e sensualidade quanto a boca da abertura do filme? Só esse crédito inicial já ganha à confiança do público. Quem já havia pensado em usar apenas uma boca – pintada de vermelho – para fazer a abertura? Sem contar a letra da música que acaba por descrever como a história pode se desenrolar. Com um crédito fantástico o resto só poderia ser melhor, e adivinha, é.

Tudo começa quando um casal de noivos acaba ficando perdido na estrada e o pneu do carro fura, então eles são obrigados a pedir ajuda em um estranho castelo. Por coincidência, está chovendo e trovejando muito – o que já causa um certo pavor – e para piorar quem atende a porta do castelo é um faz-tudo corcunda e calvo. Dentro do castelo coisas estranhas começam a acontecer. Será mais um filme ruim de terror? Poderia ser se não fosse por alguns fatores. 1º: é um musical; 2º: é habitado por alienígenas vindo do país transexual e 3º: é muito engraçado.

Numa espécie de Frankenstein, o filme conta com muitas atuações boas. Susan Sarandon está maravilhosa no papel da vulnerável e inocente Janet Weiss, com a voz bem doce e suave, dando à impressão que é uma moça de família e tudo aquilo para ela é novidade. Já seu noivo, Brad Majors, é interpretado por Barry Bostwick, que transparece um rapaz confiante com sua inteligência e suas habilidades sociais. Porém quem rouba a cena é Tim Curry, que interpreta o Dr. Frank-N-Furter, um cientista travesti que cria Rocky Horroh (Peter Hinwood), seu objeto de prazer. Usando sempre roupas sensuais e femininas no filme, Curry – em suas performances – lembra muito Freddie Mercury em seus clipes como “I Want To Break Free”.

O filme é baseado na peça de Richard O’Brien, que por sinal também está no filme, e tem ótimas sequências de músicas. Não dá para esquecer a sequência da música “Time Warp”, onde todos dançam ao som de Riff Raff e Magenta, respectivamente Richard O’Brien e Patrícia Quinn. O mais engraçado é que até o narrador da história (Charles Gray) ensina a dançar e dança junto com a música.

Com músicas fantásticas e atuações maravilhosas, Rocky Horror Picture Show é um filme para assistir milhares de vezes, simplesmente magnífico, engraçado e muito divertido.

Assim como Brad disse para Janet, eu digo Damn it, Rocky Horror Picture Show, I Love You!!!

Nota: 10

Morre Maria Schneider

A atriz francesa Maria Schneider morreu de câncer esta quinta (3), aos 58 anos, em Paris. Schneider estrelou ao lado de Marlon Brando no clássico filme de Bernardo Bertolucci O Último Tango em Paris. O corpo da atriz será enterrado na capital francesa, no cemitério Père-Lachaise, onde também estão os corpos de Jim Morrison e Oscar Wilde.

Nascida em Paris em 1952, Schneider começou sua carreira no cinema em 1969, com uma participação não-creditada no filme L'Arbre de Noël. Ao longo dos anos, a atriz trabalhou com diversos diretores consagrados, como Michelangelo Antonioni e Franco Zeffirelli.

Em 1972, com apenas 20 anos, Maria Schneider atuou ao lado de Marlon Brando em O Último Tango em Paris, filme que gerou polêmica devido a suas cenas de sexo. Schneider nunca lidou bem com os comentários sobre o filme e, posteriormente, declarou que nunca mais faria filmes em que aparecesse nua.

Seu último trabalho foi em 2008, no filme Cliente, de Josiane Balasko.

Fonte: www.cineplayers.com